Teatro Paulo Autran - SESC Pinheiros (SP)

O Teatro Paulo Autran, no SESC Pinheiros, em São Paulo, passou por uma renovação tecnológica dos sistemas de movimentação de varas cênicas e de iluminação do palco e da plateia. Os trabalhos, realizados pela TELEM, deixaram a casa ainda mais preparada para receber novas demandas de espetáculos.

 

As varas motorizadas passaram a ter sistema de movimentação acionado por meio de motorredutor elétrico com controle de variação de velocidade e funcionam por meio de sistema de comando eletrônico. O software que realiza essa operação também foi desenvolvido pela TELEM, para uso nas mesas de comando instaladas no teatro pela empresa, que são independentes e podem controlar varas distintas ao mesmo tempo.

 

A automação ficou garantida por 41 inversores de frequência, um CLP (Controlador Lógico Programável) responsável pela comunicação de todos os elementos do sistema, encoders de posição e duas mesas com telas touchscreen de 15”.

 

Às 20 varas motorizadas já existentes, foram adicionadas 21 novas, com melhorias técnicas proporcionadas pela automação. A capacidade de carga foi aumentada de 500 Kg (incluindo peso da própria vara) para 700 Kg úteis e a velocidade foi de 0,1m/s fixo para 0,6m/s variável. Os motores foram remanejados de local, permitindo que o número de acionamentos fosse dobrado, totalizando 41.

 

Com relação à iluminação cênica, a TELEM também aumentou o número de circuitos dimerizáveis, realizou a ativação do sexto rack de dimmers e instalou uma grande quantidade de pontos DMX espalhados pelo palco e em cada vara de iluminação. Pontos não dimerizáveis também foram colocados no palco e nas varas.

 

Foram realizadas, ainda, as instalações elétricas – com destaque para a “Transferência Motorizada”, que define qual será a origem da alimentação de todo o sistema cênico, sendo dividida em Elétrica Cênica e Elétrica Som - além do reforço da infraestrutura para a nova carga (incluindo motores e carga útil), um novo gerador e o sistema de cenotecnia.